9 vulnerabilidades de segurança VoIP e como corrigi-las
By Quinn Malloy
| 16. abril 2022 |
Call Center - Vendas
By Q. Malloy Quinn Malloy
| 16 abr 2022 |

    9 vulnerabilidades de segurança VoIP e como corrigi-las

    ilustração riscos comuns de segurança VoIP

    A segurança VoIP é uma daquelas coisas verdadeiramente perniciosas que você precisa manter constantemente sob controle. Realizar auditorias regulares de segurança pode parecer chato, talvez até uma perda de tempo, mas não seguir adiante pode colocar sua empresa em uma posição arriscada.

    Fraude VoIP, ataques DDoS e esquemas de Vishing são apenas algumas das muitas ameaças de segurança que existem. Neste artigo, detalharemos nove dessas ameaças e ofereceremos estratégias para lidar com elas. A melhor coisa que você pode fazer pela longevidade da sua empresa é se informar sobre possíveis vulnerabilidades de segurança – então continue lendo!

    Os 9 riscos de segurança mais comuns e como corrigi-los

    1 – Ataques DDoS

    O que é isso?

    Um ataque DDoS, ou Ataque de negação de serviço, ocorre quando os cibercriminosos sobrecarregam intencionalmente um servidor com dados e usam toda a sua largura de banda. Com toda a largura de banda do servidor usada, as atividades VoIP e todas as atividades da internet em geral param. Interrupções como essa podem afetar seriamente as operações diárias de uma empresa, bem como seus resultados.

    Infelizmente, os ataques DDoS estão se tornando cada vez mais comuns. Os equipamentos necessários para realizar um ataque DDoS estão cada vez mais avançados, o que torna a execução desses ataques mais barata e rápida para os criminosos cibernéticos. Na verdade, 70% das organizações pesquisadas pela Corero disseram que sofrem aproximadamente 20 a 50 ataques DDoS por mês. E de acordo com a empresa de segurança Cloudflare, o custo médio de um ataque DDoS bem-sucedido é de cerca de 100.000 USD por hora. Então, o que você pode fazer para lidar adequadamente com esses ataques quando eles acontecem? Continue lendo para descobrir.

    Como consertar

    Em primeiro lugar, é importante identificar os ataques DDoS rapidamente. Quanto mais cedo você for capaz de reconhecer um problema, mais cedo poderá trabalhar para corrigi-lo, certo? Prepare-se para o sucesso nomeando um czar DDoS na sua empresa, também conhecido como alguém cuja responsabilidade é agir caso você seja atacado.

    Depois que um ataque começa, há várias etapas que você pode seguir para mitigar o dano:

    • Largura de banda superprovisionada: embora seja improvável que manter uma reserva de largura de banda para situações de emergência interrompa um ataque DDoS, isso pode lhe dar o valioso tempo necessário para entrar em contato com especialistas em segurança.
    • Entre em contato com seu ISP: como regra geral, seu ISP (Provedor de Acesso à Internet) é responsável pela segurança da sua conexão de rede e terá uma equipe disponível para ajudar a mitigar os danos de um ataque DDoS. Ligar para o seu ISP e informá-lo sobre o ataque deve ser uma das suas principais prioridades.
    • Entre em contato com um especialista em DDoS: como os ataques DDoS são muito complexos, você precisará da ajuda de um especialista experiente para recuperar o controle. Parte do planejamento que você pode fazer antes do ataque dos criminosos cibernéticos é estabelecer uma parceria com um especialista em DDoS confiável que poderá ajudá-lo caso você sofra um ataque.

    2 – Adulteração de chamadas

    O que é isso?

    A adulteração de chamadas ocorre quando os criminosos cibernéticos interrompem as chamadas em andamento, enviando uma grande quantidade de dados ao longo do caminho da chamada ou atrasando a transmissão de dados entre os chamadores. Ambos os métodos resultam em conexões instáveis e longos períodos de silêncio, o que pode prejudicar muito a capacidade de uma empresa realizar negócios por telefone.

    Como consertar

    Mais uma vez, seu primeiro passo deve ser entrar em contato com seu ISP e informá-lo sobre a situação. Você também deve desenvolver um plano para proteger suas operações telefônicas contra esse tipo de chamada. Um passo que você pode tomar é aumentar seus esforços de autenticação e criptografia. Todos os fluxos de voz que entram e saem do seu call center devem ser criptografados, e os telefones IP devem ter códigos de autenticação fora do horário de funcionamento. Essas são boas práticas de segurança em geral e ajudarão você a diminuir drasticamente a incidência de adulteração de chamadas no seu call center.

    3 – Firewalls de rede VoIP

    O que é isso?

    Se você não entendeu do que se trata, não o culpamos: os firewalls geralmente são uma coisa boa. No caso do VoIP, porém, apenas os sistemas de firewall mais atualizados são compatíveis com os protocolos VoIP. Os firewalls mais antigos não reconhecem as atividades VoIP e podem bloquear algumas das principais funções do seu call center.

    Como consertar

    É simples: certifique-se de obter um sistema de firewall moderno. Firewalls atualizados garantem aumentar sua segurança, não enfraquecê-la.

    4 – Vishing

    O que é isso?

    Simplificando, vishing é o phishing baseado em VoIP. Da mesma forma que os golpes de phishing por e-mail procuram solicitar informações financeiras confidenciais das vítimas por meio de links de e-mail, os golpes de vishing no VoIP procuram solicitar essas informações através de mensagens de voz.

    Como consertar

    The best method for protecting yourself from vishing scams is to verify all incoming call requests, even if they seem as though they’re coming from within your organization. Furthermore, your agents should be coached to never disclose sensitive information to anyone without the expressed consent of their supervisor.  

    5 – Fraude no VoIP

    O que é isso?

    A fraude no VoIP ocorre quando criminosos cibernéticos invadem seu sistema VoIP e fazem uso dos seus serviços sem permissão. Os fraudadores de VoIP geralmente empregam uma estratégia chamada fraude de tarifação, na qual geram artificialmente um alto volume de chamadas internacionais para números de tarifa premium e, em seguida, coletam a receita. Esse golpe pode ser especialmente caro e geralmente ocorre bem debaixo do seu nariz.

    Como consertar

    Existem várias maneiras de se isolar de possíveis fraudes no VoIP. Mencionaremos alguns deles abaixo.

    • Ofereça serviços de chamadas internacionais apenas para os clientes que o solicitarem
    • Implemente limites de gastos com limite de tempo para seus planos de serviço de chamadas internacionais
    • Acompanhe os picos de uso fora do horário de funcionamento e investigue quando necessário
    • Assine contratos de responsabilidade compartilhada com seus clientes para que você não fique paralisado caso ocorra a fraude no VoIP

    6 – Malware e vírus

    O que é isso?

    Malware e vírus são uma ameaça perene para todo e qualquer sistema de rede, e os sistemas VoIP não são exceção. Eles também são especialmente prejudiciais, porque agem como uma chave diabólica, dando aos criminosos cibernéticos acesso a todo o seu sistema. Com esse tipo de acesso completo, os criminosos podem roubar informações confidenciais, consumir largura de banda da rede e diminuir a qualidade das suas chamadas com relativa facilidade.

    Como consertar

    A chave para prevenir ataques de malware e vírus está em pensar no futuro: desenvolver um plano para auditorias de segurança de rotina, implementar protocolos de segurança em toda a sua empresa e tomar medidas para garantir que seus funcionários cumpram as medidas de segurança em toda a empresa. Se você for diligente em proteger sua empresa contra ameaças de segurança, poderá evitar com sucesso os danos que malware e vírus causam rotineiramente.

    7 – VOMIT

    O que é isso?

    Voice over Misconfigured Internet Telephones, da sigla VOMIT, como é chamado, representa uma séria ameaça à segurança para sistemas de telefonia VoIP. Os hackers usam esse método para espionar e extrair pacotes de voz diretamente das chamadas em andamento, obtendo assim acesso a informações confidenciais, como origem da chamada, nomes de usuário e senhas e dados financeiros.

    Como consertar

    Para resolver esse problema, você deve considerar fortemente o uso de um provedor de serviços VoIP que criptografa automaticamente as ligações recebidas e efetuadas. O CloudTalk, por exemplo, não apenas criptografa todos os dados de entrada e saída, mas também configura seu próprio PBX (Centro de distribuição telefônica), para que você realize suas operações comerciais com tranquilidade.

    8 – SPIT

    O que é isso?

    Outra ameaça à segurança com um nome diferente e ainda assim grave é o SPIT, que significa Spam over IP Telephony. Simplificando, o SPIT é o equivalente VoIP do spam de e-mail. Os esquemas SPIT enviam mensagens de voz pré-gravadas e/ou robocalls em massa, na esperança de enganar pessoas desavisadas para pegar o telefone e ouvir as mensagens de voz. Se você tiver o azar de ser vítima de um desses esquemas, poderá ficar preso por altas taxas de chamadas internacionais, que são desviadas pelos criminosos para obter lucro.

    Como consertar

    Embora não tenha como impedir totalmente os ataques SPIT, configurar-se com um provedor de serviços VoIP de qualidade que leve a segurança a sério é um bom primeiro passo a ser dado. O CloudTalk, por exemplo, usa um firewall moderno que ajuda a identificar spam na chegada para que não cause danos à sua empresa e seus clientes.

    9 – Sistemas desatualizados

    O que é isso?

    Deixar de atualizar regularmente o software do seu sistema VoIP pode deixá-lo vulnerável a inúmeras ameaças de segurança. Muitos administradores de tecnologia não atualizam os sistemas VoIP baseados em nuvem porque os sistemas telefônicos analógicos tradicionais nunca precisaram desses tipos de patches de segurança. É um descuido compreensível, mas que pode causar danos significativos à sua empresa ao longo do tempo.

    Como consertar

    A correção aqui é bastante intuitiva: certifique-se de que seu software VoIP esteja sempre atualizado! Isso pode ser tão simples quanto atribuir auditorias regulares do sistema como uma tarefa a um de seus administradores de tecnologia ou incluir uma discussão sobre atualizações do sistema como um item da agenda para as revisões trimestrais da sua empresa. Independentemente de como você optar por manter seus sistemas VoIP atualizados, certifique-se de concluí-los sempre. Tal como acontece com tantos esforços de segurança nos negócios modernos, a chave para o sucesso na segurança de rede VoIP é consistência, consistência e consistência.

    Conclusão

    As ameaças de segurança podem ser inevitáveis, mas isso não significa que você tenha que aceitá-las. Configurar-se com o provedor de serviços VoIP certo pode ser a diferença entre ser capaz de se livrar de uma ameaça à segurança e arruinar seus negócios.

    CloudTalk foi projetado com a segurança em mente. Quando você usa o CloudTalk, todos os seus dados são armazenados em data centers modernos com monitoramento 24 horas por dia, 7 dias por semana. Você pode ficar tranquilo sabendo que suas informações mais importantes estão seguras com a gente.

    Comece hoje mesmo com um teste gratuito de 14 dias.